quarta-feira, 9 de maio de 2012

Batalha de preconceito

Pensando no que escrevi ontem, cheguei á conclusão que realmente estou mudando. Será que estou mais ajuizada? mais séria? nem sei, só sei que ontem estava com medo do futuro. Sabem, sempre que falo sobre o futuro, me vem á mente um episódio da série da TV, "Os dinossauros", onde uma família de dinossauros viviam os problemas cotidianos. Em um desses episódios, alguém da família tinha que jogar o idoso quando este completasse 72 anos... e, chegou o dia da avó ser jogada no penhasco do piche, imaginem era de piche, era um penhasco, isso para que os velhos não pudesse sair...rsrsrs só sei que valeu boas risadas o desenrolar do episódio, até que o genro, encarregado de jogar a sogra, resolver dar mais uma chance para a idosa.
Agora, vejam, quando eu estiver nessa idade quero estar bem, quero ser uma pessoa com mais tempo de juventude, quero ser a jovem que sempre fui. Nunca quero desistir da vida, de seu fulgor do sol saindo no horizonte, da maciez do luar de noite de lua cheia. Quero sentir que só vamos embora ou perdemos essa energia quando já não estamos conectados nessas belezas.
Ser jovem é ouvir boa musica, é se emocionar com a melodia, sentir tocar seu coração, sentir uma paixão que se foi, gostar de ouvir as risadas das crianças brincando, as sabiás nos acordando, gostar de estar entre amigos, de conversar com entusiasmo, de rir das menores coisas e curtir tudo de bom que a vida nos apresentar.
Mesmo com todo esse discurso tem uma coisa que ainda me incomoda, mas isso só contarei bem mais tarde, enquanto isso vou tentando aceitar... vou pensando ...
Assim, hoje deixo registrado que a vida vale a pena ser vivida, mesmo tendo ainda que acostumar-me com mudanças ou imposições que sofremos nessa sociedade de controle e pressão. Sou muito teimosa, em certos momentos impetuosa e no melhor de tudo sou corajosa, assim, tenho certeza que vencerei esse monstro que estou em guerra!!  só para dar uma dica, é um preconceito que tenho que vencer....rsrsrs...

4 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Reparou que na vida estamos sempre mudando !
    Reparou que quando a água desliza,ao encontrar obstáculos, faz um contorno e depois segue seu caminho.
    A vida da gente vai ser sempre assim.
    Sempre encontrando obstáculos; cabe a nós contorná-los.
    Assim como água faz na natureza, nós como pessoas também o fazemos,
    Só com uma diferença:
    - Pensando e depois agindo.

    ResponderExcluir
  3. Ontem você escreveu que estava com medo do futuro.
    Hoje diz, que a vida apesar de tudo, vale a pena ser vivida e tem um preconceito que precisa vencer.
    Medo do futuro, e a vida que aqui está, são expressões que usou e dizem seu momento de espírito.
    Já " preconceito " é uma palavra mais complexa. Uma atitude que tem ser resolvida perante pessoas, lugares ou tradições, haja visto que é algo considerado diferente e pessoal.
    Nos seus próprios dizeres, diz ser uma pessoa corajosa.
    Vá em frente.Tome a decisão que achar melhor.
    Só a você ele pertence.

    ResponderExcluir
  4. Jane querida...quando comecei a ler sua publicação em que descreve o episódio da Família Dinossauros me lembrei de um comentário que fazemos aqui em casa entre minhas irmãs...QUE QUANDO FICAMOS MAIS VELHAS VAMOS VIRANDO DINOSSAUROS!!!! E num primeiro momento me veio esses momentos de brincadeiras que fazemos entre nós...e comecei a rir...mas depois voltei ao foco da questão enunciada por você sobre o "passar dos anos"...Na verdde, eu penso que chegar à idade mais madura é inevitável...todos teremos que passar, e quem vai poder determinar o momento de sermos "atirados no abismo" é Papai do Céu!!! Creio que o importante é enquanto estamos aqui...respirando esse ar que é tão salutar para quem dele souber aproveitar, o tempo é o que menos vai importar! "Carpe Diem", que é uma frase em latim, de um poema de Horácio, que popularmente traduzida: "aproveite o momento". e é dessa forma que eu vejo a vida, embora pelo caminho vamos encontrar muitos que vão nos censurar...achar inadequado para a idade...mas o que importa é o que trazemos no coração!!!Coração e mente aberta para a vida!!! bjs

    ResponderExcluir